O machado de Pedro

Topo da Página
Pedro, um lenhador, após um grande trabalho em uma área de desmatamento, se viu desempregado. Depois de tanto tempo cortando árvores, entrou no corte! A madeireira precisou reduzir custos...

Saiu, então, à procura de nova oportunidade de trabalho. Seu tipo físico, porém, muito franzino, fugia completamente do biotipo de um lenhador. Além disso, o machado que carregava era desproporcional ao seu tamanho. Aqueles que conheciam Pedro, entretanto, julgavam-no um ótimo profissional.

Em suas andanças, Pedro chegou a uma área reflorestada que estava começando a ser desmatada. Apresentou-se ao capataz da madeireira como um lenhador experiente. O capataz, após um breve olhar ao tipo miúdo de
Pedro e, com aquele semblante de selecionador implacável, foi dizendo que precisava de pessoas capazes de derrubar grandes árvores, e não de
"catadores de gravetos".

Pedro, necessitando do emprego, insistiu. Pediu que lhe fosse dada uma oportunidade para demonstrar sua capacidade. Com relutância, o capataz resolveu levar Pedro à área de desmatamento. E só fez isso pensando que Pedro fosse servir de chacota aos demais lenhadores. Afinal, ele era um fracote...

Sob os olhares dos demais lenhadores, Pedro se postou frente a uma árvore de grande porte e, com o grito de "madeira", deu uma machadada tão violenta que a árvore caiu logo no primeiro golpe. Todos ficaram atônitos!

Como era possível tão grande habilidade e que força descomunal era essa, que conseguira derrubar aquela grande árvore numa só machadada? Logicamente, Pedro foi admitido na madeireira.

O tempo foi passando e, gradativamente, Pedro foi reduzindo a quantidade de árvores que derrubava. O fato era incompreensível, uma vez que Pedro estava se esforçando cada vez mais.

Um dia, Pedro se nivelou aos demais. Logo depois, encontrava-se entre os lenhadores que menos produziam... O capataz que, apesar da sua rudeza, era um homem vivido, chamou Pedro e questionou-o sobre o que estava ocorrendo. "Não sei", respondeu
Pedro, "nunca me esforcei tanto e, mesmo assim, minha produção está decaindo".

O capataz pediu, então, que Pedro lhe mostrasse o seu machado. Quando o recebeu, notando que ele estava cheio de "dentes" e sem o "fio de corte", perguntou: "Por que você não afiou o machado?".

Pedro, surpreso, respondeu que estava trabalhando muito e por isso não tinha tempo para afiar a sua ferramenta de trabalho. O capataz ordenou que Pedro ficasse no acampamento e amolasse seu machado. Só depois disso ele poderia voltar ao trabalho.

Pedro fez o que lhe foi mandado.

Quando retornou à floresta, percebeu que tinha voltado à forma antiga e conseguia derrubar as árvores com uma só machadada.

A lição que Pedro recebeu é válida para muitos de nós, preocupados em executar nosso trabalho ou, pior ainda, julgando que já sabemos tudo o que é preciso, deixamos de "amolar o nosso machado".

Muitos avaliam a experiência que possuem pelos anos em que se dedicam àquilo que fazem. Um funcionário que aprendeu, em 15 minutos, a carimbar os documentos que lhe chegam às mãos, depois de 10 anos na mesma atividade, tem na realidade, 15 minutos de experiência repetida durante dez anos.

Da mesma forma, a experiência espiritual alcançada no passado, caso não seja renovada constantemente, pode levar-nos ao formalismo e marasmo cristão. Como resultado, haverá falta de poder. Afiemos nossos "machados" e seremos vitoriosos.

Muita oração - muito poder. Pouca oração - pouco poder. Nenhuma oração - nenhum poder!*

* não esquecendo que além da oração é preciso o exercício prático da Palavra de Deus!
Gostou? Então copie esse post para seu Blog:


Termo de Responsabilidade


O Site "Borracharia G3" não hospeda nenhum arquivo, apenas indexa links disponíveis na própria internet o que livra os seus Administradores e Usuários de qualquer responsabilidade. Se algo contido no Blog é de sua Propriedade ou lhe causa Dano ou Prejuízo, entre em contato pelo e-mail felipe@borrachariag3.com que iremos retirar o conteúdo do site o mais rápido possível. Lembramos ainda que os links são apenas para divulgação , devendo assim o usuário manter os arquivos por no máximo 24 horas em seu computador e depois deverá ser deletado, para depois ser adquirido junto a lojas especializadas do ramo.

Concurso Capa Borracharia G3 2009

HTML clipboard

Capa é o nome do concurso que vai eleger a foto que representará o site BorrachariaG3 através de logótipos, banners e outros concursos.

Não deixe de participar, pois terás a chance de se tornar conhecido e ainda terás a oportunidade de ver o seu rostinho estampado em outros sites.

Para participar cadastre-se e poste as suas fotos na rede social BorrachariaG3 Clique Aqui Para Se Cadasdrar Envie a justificação que você ache que seja coerente e que te faça ser merecedor de ser o ganhador do concurso Capa.
Photobucket
Borracharia G3 - Copyright 2009 ©
Todos os Direitos Reservados